×
Create a new article
Write your page title here:
We currently have 2,746 articles on Wiki Polandball Lusofónica. Type your article name above or create one of the articles listed here!



    Wiki Polandball Lusofónica

    KKKball

    (Não se confunda com Katipunanball e risadas)
    

    KKKball uma organização terrorista racista de extrema direita que surgiu nos Estados Unidos em 1865. Ele nasceu com ex-soldados do ECAball que ficaram tristes com a abolição da escravatura e se vestiam de fantasmas para vingar seus compatriotas mortos na Guerra Civil Norte-Americana matando negros queimando suas casas, Foi revivido três vezes por causa da Polícia ficar o matando várias vezes e ele sempre dá respawn.

    História

    Origens

    A primeira Ku Klux Klan começou na verdade como uma brincadeira de rapazes alegres que tendiam ao "Lado branco da Força". Em 1865, em Pulaskiball, Tennesseeball, logo após o final da Guerra Civil Norte-Americana, 60 jovens daquela cidadezinha, resolveram espantar o tédio de um jeito fa-bu-lo-so: fundar uma microssociedade secreta, tipo um clubinho da Luluzinha particular.

    Bem-humorados, decidiram que os membros receberiam títulos engraçados de honra. Então o chefe seria o "Cíclope Máximo", porque achavam o Ciclope do X-men um gaténho; o secretário, o "Grande Escriba" (hui,hui,hui). E por aí vai.

    A Primeira Ku Klux Klan Dentre as principais curtições do Clubinho, constava era cavalgar à noite, incógnitos sob lençóis e fronhas brancas (na verdade eram scarfs de crepe branco purpurinados), para desconcertar os vizinhos. Nada demais. Só que, a partir de dado momento, o Clubinho do Anel do Cu foi se enchendo de bichinhas racistas, até o ponto em que a maioria dos seus participantes eram histriônicos viados supremacistas brancos... E desde então a coisa degringolou, encheu de purpurina m3rda!!! E as cavalgadas noturnas viraram perseguições a negros afinal, não poderiam deixar todos aqueles negros, deuses de ébano com suas pirocas livres por ai, sem uso. Em um ano a Klan já tinha virado uma organização assassina, matavam de exaustão qualquer um que pegassem. Presente em vários estados, tinha ex-generais sulistas baitolas entre os cabeças e contava com o financiamento de agricultores de mandioca algodão, prejudicados pela alforria. Só que, a partir de dado momento, o Clubinho do Anel do Cu foi se enchendo de bichinhas racistas, até o ponto em que a maioria dos seus participantes eram histriônicos viados supremacistas brancos... E desde então a coisa degringolou, encheu de purpurina m3rda!!! Seus objetivos passaram a ser impedir a integração social dos negros recém-libertados, como por exemplo, adquirir terras, ter direitos concedidos aos outros cidadãos, como votar, por que eles gostariam que os vigorosos deuses de ébano negros permanecem seus escravos sexuais. E as cavalgadas noturnas viraram perseguições a negros afinal, não poderiam deixar todos aqueles negros deuses do ébano com suas pirocas livres por ai, sem uso. Em um ano a Klan já tinha virado uma organização assassina, matavam de exaustão qualquer um que pegassem. Presente em vários estados, tinha ex-generais sulistas baitolas entre os cabeças e contava com o financiamento de agricultores de mandioca algodão prejudicados pela alforria. Depois de inúmeras lambidas mortes, a Ku Klux Klan finalmente foi reconhecida como uma entidade pansexual terrorista de grande relevância e acabou banida, em 1872, pelo governo dos Estados Unidos, que assim atendia ao veementes protestos dos pastores envagélicos e negros que sempre acharam homossexualismo racismo uma coisa do tinhoso.

    A segunda Ku Klux Klan O segundo grupo que utilizou o mesmo nome foi fundado em 1915 (alguns dizem que foi em função do lançamento do filme O Nascimento de uma Nação de Fracassados, naquele mesmo ano) em Atlanta por William O. J. Simpsons. Este grupo foi criado como uma organização fraternal de amigos alegres de ideias liberais racistas lutou pelo papel de dar a superioridade e a bunda dos homossexuais protestantes brancos aos negros, católicos, judeus e asiáticos, assim como outros imigrantes bem-apessoados e bem-dotados. Este grupo ficou famoso pelas lançamentos de sanduíches de peru no McDonalds e outras atividades sexuais violentas contra seus "inimigos", tipo: quando as bichas são tão ferozes que vão logo agarrando nas jebas dos crioulos e gritando "vem ser meu escravo!!". O Fundador da KKK, William O. J. Simpsons, chegou a ter 4 milhões de membros gozando na sua cara na década de 1920, incluindo muitos políticos africanos. A popularidade do grupo caiu durante a Grande Depressão, quando os gays americanos entraram em crise existencial econômica, e durante a Segunda Guerra Mundial, quando todos os homens válidos haviam ido para a Europa

    Decadência A perda de respeitabilidade da Ku Klux Klan, unida a divisões internas (sempre brigando entre si pela posse dos escravos de Peru mais avantajado de territórios), levou à degradação de seu público, apesar de a organização continuar a realizar cruzeiros gays ações, fazendo protestos contra as cotas em 1929. Nos anos 1930, o Nazi-icon.pngNazismoball exerceu uma certa atração sobre a Ku Klux Klan porque os Anglo-Americanos queriam muito dar a bunda para serem como os Alemães. Não passou disso, porém, porque descobriram que os Nazistas eram um bando de broxas anti-americanos. A aproximação com germanistas foi bruscamente encerrada na Segunda Guerra Mundial, depois do ataque japonês à base americana de Pearl Harbor, quando muitos membros se alistaram no exército para arranjar um bofe asiático. Só faltava o tiro de misericórdia ao império invisível. Em 1944, o dono de uma famosa sauna gay cobrou uma dívida da Klan, pendente desde 1920. Incapaz de honrar o compromisso, a organização morreu pela segunda vez. Apesar de diversas tentativas de ressurreição (num âmbito mais local que nacional), a Ku Klux Klan não obteve mais o sucesso de antes da guerra porque já haviam passado muitos anos. As mentalidades evoluíram, passaram a fazer troca-troca reuniões entre si mesmas ao invés de perturbarem os Negros. Finalmente, um "traidor" Stetson Kennedy, caguetou e contribuiu para o fim da organização, liberando todos os seus segredos no livro Ku Klux Klan. Alguns klanistas ainda insistiram e resuscitarem essa ball, temporariamente, uma retomada de interesse entre os WASP (sigla em inglês para protestantes brancos anglo-saxões que gostam de uma vespa que dá o fiofó) frustrados, que não compunham mais a maioria da população homossexual americana. Nos anos 1950, a promulgação da lei contra a segregação nas escolas públicas despertou novamente algumas paixões das bichas já velhinhas racistas que correram para as escolas atrás de pretinho, e cruzes!, se acenderam todas as monas. Seguiram-se surubas, casas dinamitadas (29 mortos de 1956 a 1963, entre eles 11 brancos). Os klanistas tentaram se reciclar num spa para bichas velhas, sendo contra todos índios ou atenuando seu anticatolicismo fanático, já que tem padre mexicano. Mas nada surtiu grande efeito e o declínio da klan já tinha começado desde o fim dos anos 1960, época em que só contava com algumas dezenas de milhares de membros para meterem em seus cus. Depois, podia-se tentar distinguir os Imperial Klans of America dos Knights of the Ku Klux Klan, ou ainda dos Knights of the White Camelia, alguns dos vários nomes das tentativas de ressurgimento. Mas os klanistas não eram mais uma organização da moda, surgiram vários outros viados grupos famosos na década de 1970. Apesar das provocações contra negros nos puteiros em que elas trabalhavam, as travestis velhas membros das "Klans" não reuniam mais do que alguns poucos membros viris para suas surubas, comparáveis assim com outros grupelhos neonazistas com os quais às vezes mantinham relações (com trocadilho, por favor). A organização não parece estar perto de renascer uma outra vez, mas infelizmente já estão velhos demais para virarem homens e lutarem por algo e o pau já não subiria mais.

    A Ku Klux Klan hoje Hoje a Ku Klux Klan, conta apenas com um efetivo de 3 mil pessoas espalhadas em todos os estados confederados, apesar do baixo número de associados, muitos não associados apoiam a organização. Ah, claro: atualmente, a Ku Klux Klan é apenas um entre os mais de 700 grupos dedicados ao ódio em atividade nos EUAball. A Klu Klux Klan está atacando as pessoas pela internet atualmente por causa da pandemia e a pandemia, você pode esntrar pelo 4chan.org.

    Galeria Branca

    Cookies help us deliver our services. By using our services, you agree to our use of cookies.
    Cookies help us deliver our services. By using our services, you agree to our use of cookies.